Assuntos diversos

Dia Internacional do Combate à Homofobia e a animação homofóbica internacional produzida por Jehovah’s Witnesses

Em primeiro lugar, gostaria de deixar bem claro que não sou contra nem a favor de nenhuma religião especifica, além de ser contra a homofobia e todo tipo de violência nesse sentido. A sociedade tem mudado a favor das minorias, tentando compensar pela falta de igualdade de séculos de existência, porém ainda estamos num estágio muito primário, principalmente quando cruzamos este assunto com a religião.

Na minha humilde opinião, a religião em si, independente de qual for, deveria ser uma forma de iluminar as pessoas, criar um caminho para a paz e harmonia entre os seres vivos e além de dar esperança nas horas mais escuras, independente de suas crenças e origens. Não sigo nenhuma religião especifica pois prefiro concordar e discordar daquilo que cada uma prega. Religiões como o cristianismo e o budismo possuem diversos preceitos que concordo plenamente, enquanto algumas crenças vão contra meus princípios. De qualquer forma, o intuito que penso ser o primário das religiões não é exatamente o que elas acabam pregando, principalmente quando se trata de extremismo religioso.

Recentemente navegando pelo site de variedades 9gag me deparei com um video assustador nesse sentido. Não sei o quão atual este video é, mas trata-se de uma animação direcionada a crianças produzida pela organização internacional Jehovah’s Witnesses (Testemunhas de Jeová) intitulada Lesson 22 – One Man, One Woman, Mathew 19:4,5 (Lição 22 – Um homem, uma mulher, Mateus 19:4,5).

A animação apresenta o conflito de uma garotinha na escola ao ver que uma de suas colegas desenhou sua família representada com duas “mães”, sua professora disse que o importante é que as pessoas sejam felizes, enquanto a Bíblia indica um “padrão” de família diferente.

Animação Jehovah-witness-desenho

A garota procura sua mãe por respostas, que acaba lhe dando uma lição citando a Bíblia. Nas palavras da mãe, “As pessoas possuem suas próprias ideias sobre o que é certo e o que é errado, porém o que importa é como Jeová se sente (sobre o assunto)”, indicando que Jeová inventou o casamento, sabe como as pessoas podem ser felizes e faz várias citações com relação a criação do homem.

Animação Jehovah's Witness - O que é errado e o que é certo

A justificativa é que Jeová disse isso e posteriormente Jesus também disse, logo os padrões da sociedade não mudaram. Depois são usadas algumas alegorias com relação a seguir os padrões de Jeová e por fim, menciona que as pessoas podem mudar e indica para que a garotinha pregue para a colega da escola com duas mães o que é “certo” com base em passagens da Biblia.

Animação Jehovah's Witness - Espalhando a palavra

Até este momento reproduzi exatamente o conteúdo do vídeo, sem minha interpretação ou comentários adicionais. Obviamente fica claro, pelo menos para mim, a mensagem homofobica inserida de forma direta para qualquer adulto, mas indireta para qualquer criança. Existem muitos outros vídeos como este, inclusive de outras religiões, que tentam doutrinar a sociedade desde cedo a pensar dentro de um quadrado, o que acaba causando intolerância social e principalmente o retrocesso por parte dos governos que podem ser representados por integrantes de determinadas religiões, que já possui um conceito formado por vários assuntos com base num conjunto de preceitos que consideram milenares e irrevogáveis, que representam a si, mas não a sociedade atual como um todo.

Termino meu post lembrando que a sociedade mudou de 2000 anos para cá.

  • Negros não mais escravos, inclusive o presidente de um dos países mais influentes no mundo é negro, grande Obama.
  • Mulheres possuem cada vez mais espaço na sociedade que outrora era dominada somente pelos homens que se consideravam superiores.
  • Na Segunda Guerra, Hitler acreditava que a raça ariana era a raça superior e todo o resto deveria ser eliminado.
  • Na Idade Média, as pessoas eram queimadas vivas em fogueiras aos olhos da população, ou mortas de qualquer outra maneira, pois bruxos e bruxas eram os males que conviviam entre nós. Em 2016, ainda existem bruxos e bruxos na Nigéria, onde as crianças bruxas são sacrificadas para aliviar os males das famílias que acreditam ter erradicado a raiz de seu mal.
  • No Velho Testamento civilizações são exterminadas por acreditarem em deuses pagãos.

Realmente, as pessoas possuem suas próprias ideias sobre o que é certo e o que é errado, mas a frase termina aqui.

Comenta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s